Dez dicas para se livrar dos vírus

Muitas pessoas enfrentam problemas diários com os vírus que circulam na grande rede em todo o mundo. Confira dicas para se prevenir contra essas pragas:

1 – Acredite no seu antivírus. Esses aplicativos contam com bancos de dados para encontrar mais facilmente as pragas conhecidas na internet e, em geral, fazem isso de forma satisfatória.

2 – Se você faz uso de um antivírus gratuito e ainda assim acha que está infectado, uma dica é desinstalar o aplicativo e fazer um teste com outras versões. As mais completas, geralmente pagas, possuem período gratuito de testes, em geral durante um mês. Você também pode localizar invasores utilizando o processo de scan online.

3- Note o funcionamento de seu antispyware. Se o programa, ao ser aberto, fecha-se automaticamente, a chance de estar sendo atacado por um vírus é maior do que a chance de um bug no software.

4- A velocidade da conexão parece muito mais lenta do que a contratada? Os vírus agem enquanto você navega na rede. Para executarem suas funções, aproveitam o seu acesso para carregarem seus comandos, criando um tráfego adicional. O que parece uma conexão lenta pode esconder a ação de vírus.

5 – O sistema operacional está mais lento do que de costume? A primeira reação pode ser culpar o fornecedor. Mas as pragas virtuais criam tráfego adicional para comandos do sistema operacional, ocupam memória e deterioram arquivos.

6 – Uma manobra eficaz é visualizar a lista de programas que estão sendo executados enquanto o sistema operacional carregado. Nesse processo, três tipos de arquivos devem ser tratados como altamente suspeitos: arquivos localizados na pasta Temp ou Temporary Internet Files, arquivos com colchetes, como “vejaqui[1].exe” e alguns arquivos com extensão .dll. Nesse caso, é recomendável desabilitá-los e reiniciar o sistema após isso.

7 – Prestar atenção no comportamento de seu navegador também é eficaz. Se ao navegar janelas abrem-se sem o seu comando, ou uma nova página inicial é apresentada, sem que você tivesse configurado o navegador para isso, considere a possibilidade de estar sob a influência de um malware.

8 – Os spywares demonstram sintomas específicos de infecção. Esses problemas ocasionam o aparecimento de barras de ferramentas, links ou favoritos que não foram adicionados intencionalmente por você, a home page, o ponteiro do mouse ou o programa de pesquisa mudam inesperadamente, seu navegador o dirige para sites não buscados e pop-ups aparecem, mesmo que o seu computador não esteja conectado à Internet. Se esse é seu caso, ative um antispyware imediatamente.

9 – Desative temporariamente a Restauração de seu sistema operacional, se ele for Windows, pois alguns vírus se escondem lá enquanto você limpa o HD e voltam a se instalar depois. Isso porque os antivírus não tem acesso a essa que é uma área restrita do sistema.

10 – Seu computador pode não apresentar nenhum sintoma. Mesmo assim, mantenha seu sistema operacional e programas antivírus atualizados. Exclua arquivos temporários, desnecessários e entradas inválidas no registro. Para ajudá-lo a seguir nossas dicas, consulte as ferramentas indicadas na seção downloads.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: